Volpi é acusado em desvio de verba

O governo do prefeito Clóvis Volpi está sob suspeita em um novo escândaálo na área da saúde pública. A anestesisáta concursada pela Prefeitura de Ribeiárão Pires, Renata Lin é apontada como principal envolvida no suposto esquema de desvio de verba da Saúde do municíápio. O denunciante é o responsável pela área, da qual ela era procuradora, Alfredo António Del Nero Júnior.

Segundo relatório o rombo nos cofres públicos é de R$ 4,5 milhães, já que o Insátituto Illuminatus não apresentou notas fisácais para comprovar a quantia, que saiu da municipalidade e chegou a empresas, inclusive de proprieá dade de Renata Lin. O dono da Illuminatus, denunciou à Polícia Federal suposto esáquema de corrupção que envolveria, entre outros integrantes do governo, o prefeito Clóvis Volpi (PV).

Segundo a denúnácia, Lin é a servidora da Prefeitura, que contratou o Instituáto Illuminatus para gerenciar o Hospital e Maternidade São Lucas e as residências terapêuticas da cidaáde. Ela era também a diretora na unidade hospitalar. Renata teária a ajuda de Mauríácio Gonçalves Fonseáca para dar conta de todo esse trabalho. Ambos são ligados à Cemed, que deixou os serviços de Saúáde de Ribeirão Pires após problemas na prestação de contas.