Unidade de Saúde Paraíso é pioneira na gestão compartilhada

A Unidade de Saúde do Bairro Paraíso, que também oferece atendimento de ESF (Estratégia Saúde da Família) à população, foi escolhida como projeto-piloto de gestão compartilhada entre governo municipal, trabalhadores e usuários. Uma Carta Compromisso foi assinada nesta manhã (4) no local, com presença do prefeito de Santo André, Carlos Grana, que estabelece responsabilidades e prazos de cumprimento de açães que promovam a melhoria do serviço. O documento aponta desde dificuldades de infraestrutura, entre as quais, melhor organização do estacionamento e dos acessos de entrada, até de recursos humanos, como falta de profissionais …− técnico de enfermagem e auxiliar de farmácia.

A carta é uma das propostas do Programa de Governo 2013-2016 na área da Saúde e foi elaborada durante três encontros (29 de maio, 12 e 19 de junho), entre funcionários da unidade, representantes dos usuários e gestores, que totalizaram nove horas de trabalho. A partir da assinatura do documento, os prazos passam a contar e serão acompanhados pelos integrantes do Conselho Diretor do equipamento, inclusive com direito a discussães nas reuniães mensais dos conselheiros de saúde e abertas à comunidade.

Para Carlos Grana, a Carta Compromisso é a primeira de várias que serão assinadas na rede municipal de saúde. “Além de importante, temos enorme responsabilidade para que dê certo. Temos metas a cumprir de forma progressiva, mas sempre em parceria com a comunidade. Sem dúvida, esse documento é um marco fundamental para se estender para outras unidades”, apontou.

O secretário de Saúde de Santo André, Homero Nepomuceno Duarte, ressaltou que a carta compromisso vai além do que uma simples assinatura no papel. “Trata-se de um processo de pactuação com a comunidade, os trabalhadores da unidade e gestores para superar os problemas. Podemos não resolver 100% das dificuldades, mas enfrentaremos em 100% os problemas”, afirmou.

ACOLHIMENTO …− Entre os desafios elencados no documento, divididos em três eixos (infraestrutura, recursos humanos e processos de trabalho), está a melhora do relacionamento pessoal entre os usuários e os funcionários da unidade de saúde. O que foi, inclusive, apontado pelo padre Vanderlei Ribeiro, responsável pela Paróquia Nossa Senhora do Paraíso. “A acolhida é muito importante sempre e em qualquer lugar. As pessoas, principalmente os idosos, precisam de atenção”, disse o pároco, ao acrescentar que a população deve caminhar junto. “Não é só cobrar, estabelecer responsabilidades e prazos. A diferença está aí”, disse o religioso, ex-conselheiro de saúde na unidade e uma das lideranças do bairro.

Além do atendimento como unidade básica tradicional para cerca de 11 mil usuários, o equipamento público possui uma equipe de saúde da família …− hoje são 922 famílias inscritas e espalhadas pela região do Bairro Paraíso …− Jardim Cristiane, Vila Eldizia, e Jardim Estela, além de parte da Vila Gilda e do Jardim Bela Vista.

Sobre a Secretaria de Saúde

Com orçamento previsto de R$ 566.994 milhães para 2015, a Secretaria de Saúde tem destinado o maior valor da peça orçamentária da Prefeitura de Santo André. O governo tem na Pasta uma de suas prioridades, inclusive com a construção de novos equipamentos públicos aos usuários do SUS (Sistema Único de Saúde).

A rede de saúde municipal é composta por 33 USs (Unidades de Saúde); dois hospitais (Centro Hospitalar Municipal e Hospital da Mulher); três UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) 24 horas; quatro PAs (Prontos Atendimentos) 24 horas; três Centros de Especialidades Médicas; um Centro de Reabilitação Municipal; dois Centros de Especialidades Odontológicas; um Ambulatório de Moléstias Infecciosas; um Centro de Referência de Saúde do Trabalhador, um Centro de Terapia Comunitária e um laboratório de análises clínicas, além do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

Na área de Saúde Mental, são quatro Naps (Núcleos de Atenção Psicossocial), um Caps (Centros de Atenção Psicossocial), quatro residências terapêuticas, duas repúblicas terapêuticas, um consultório na rua (veículo), um Centro de Atenção à Saúde Mental e um Núcleo de Projetos Especiais. Na diretoria de Vigilância à Saúde, o município dispãe de divisães de Vigilância Sanitária; Epidemiológica; Saúde do Trabalhador e Controle de Zoonoses e Ambiental.

A Secretaria de Saúde trabalha em parceria com a Faculdade de Medicina da Fundação do ABC, que oferece vários serviços e atendimentos à população. A Pasta também oferece apoio diagnóstico e terapêutico, desde municipal até terceirizado, por meio de contratos e convênios.

FONTE PMSA