Saiba quais foram todos os presidentes do Brasil

todos os presidentes do brasil

Você conhece todos os presidentes do Brasil? Com a Proclamação da República – em 15 de novembro de 1889 – o Brasil passou a ser governado por um presidente da república. Desde então, nosso país foi conduzido por um total de 43 homens e uma mulher.

Todos os presidentes do Brasil: Como ocorreu a Proclamação da República?

Antes de saber quais forama todos os presidentes do Brasil, é importante saber que antes da república o Brasil teve uma monarquia que existiu entre 1822 e 1889. Durante este período, o país teve dois imperadores: D. Pedro I e D. Pedro II.

O processo histórico em que ocorreu o fim do regime monárquico brasileiro e o surgimento da ordem republicana no Brasil passou por uma série de mudanças que levaram à chegada dos militares ao poder. De fato, a proposta do regime republicano já tem uma longa história, manifestando-se em várias revoltas. De suas muitas tentativas de transformação, a revolução Farroupilha (1835-1845) foi a última a resistir à monarquia.

A república foi formada sem a participação do povo, com o objetivo de atender aos interesses privados da então elite econômica dominante. Aparentemente pouco mudou. Apesar de a população ter atualmente o direito / obrigação de votar e eleger seus representantes, e a constituição Federal de 1988 ter concedido poder político ao povo, o povo brasileiro continua sendo um observador inerte dos grandes acontecimentos políticos.

Todos os presidentes do Brasil na Primeira República (1889 a 1930):

A Primeira república, também conhecida como República Antiga, foi a primeira etapa da organização do Partido Nacional Republicano. Abrange o período entre a anunciação da república em 1889 e a chamada revolução de 1930 graças à liderança do poder estatal. O confronto e a aliança entre a oligarquia rural e as forças armadas mudou.

Entre o fim do Império e a posse da presidência por Prudente de Morais em 1894, apenas os militares ocupavam o cargo de liderança na Primeira República. Durante este período ficou conhecida como a república das espadas.

O presidente Prudente de Morais foi o primeiro presidente civil, eleito em 1894, desencadeando alternância entre os representantes das oligarquias rurais do sudeste brasileiro até 1930. E Minas Gerais foi o ápice da ordem oligárquica.

Todos os presidentes do Brasil neste período foram:

  • Deodoro da Fonseca (15.11.1889 a 25.02.1891);
  • Floriano Peixoto (23.11.1891 a 15.11.1894);
  • Prudente de Moraes (15.11.1894 a 15.11.1898);
  • Campos Salles (15.11.1898 a 15.11.1902);
  • Rodrigues Alves (15.11.1902 a 15.11.1906);
  • Affonso Penna (15.11.1906 a 14.06.1909);
  • Nilo Procópio Peçanha (14.06.1909 a 15.11.1910);
  • Hermes da Fonseca (15.11.1910 a 15.11.1914);
  • Wenceslau Braz (15.11.1914 a 15.11.1918);
  • Delfim Moreira (15.11.1918 a 28.07.1919);
  • Epitácio Pessoa (28.07.1919 a 15.11.1922);
  • Arthur Bernardes (15.11.1922 a 15.11.1926);
  • Washington Luís (15.11.1926 a 24.10.1930).

Todos os presidentes do Brasil da Era Vargas (1930 a 1945):

Em 1914, a Primeira República começava a declinar. Nem mesmo a impulsão da industrialização resistiu à crise enfrentada pela produção cafeeira, que teve seu golpe de misericórdia com a crise econômica mundial capitalista de 1929. A burguesia industrial estava em conflito com a política econômica centrada preferencialmente na agricultura.

O resultado foi uma crescente instabilidade da natureza politicamente organizada da Primeira República. E a insatisfação nos militares uniu muitos estados que se opunham à política federal.

As revoltas tenentistas no Rio Grande do Sul em 1923 e em São Paulo em 1924, somadas ao descontentamento das oligarquias com a eleição de Júlio Prestes em 1930, levaram ao afastamento do presidente eleito e, com um golpe de estado, a Primeira República.

Nos primeiros anos da Era Vargas, havia um clima de tensão entre o poder e os militares. a maioria está no estado de São Paulo. Isso provocou uma revolução constitucional em 1932.

Em 1935, a Aliança de Libertação Nacional (ANL) facilitou uma tentativa de golpe contra o governo Getúlio Vargas com um propósito comunista. Getúlio aproveitou esse evento para declarar o cerco e ampliar seu poder político. Nessa época, ele assumiu o discurso nacionalista e começou a formular movimentos para garantir sua posição. Mas em 1945 o exército derrotou o presidente.

Todos os presidentes do Brasil nesse período foram:

  • Junta Governativa (Governo Provisório – Menna Barreto, Isaías de Noronha e Augusto Tasso Fragoso – de 24.10.1930 a 03.11.1930);
  • Getúlio Vargas:
  • Governo Provisório (de 03.11.1930 a 20.07.1934): Juramento na revolução de 1930.
  • Governo Constitucional (20.07.1934 a 10.11.1937): eleito indiretamente, nos termos da constituição de 1934. Em 10 de novembro de 1937, Getúlio Vargas deu um golpe instituindo o Estado Novo, que o reteve no poder, culminando na luta sucessória dos candidatos à Presidência da república há época;
  • Estado Novo (10.11.1937 a 29.10.1945): Vargas não assinou um mandato enquanto permaneceu no poder após o golpe de 1937, como se seu mandato fosse automaticamente renovado após o cancelamento das eleições presidenciais programadas. Após o golpe de 10 de novembro de 1937 e a instauração do Estado Novo, o congresso foi dissolvido, a nova Constituição foi aprovada e Vargas permaneceu no poder.

Todos os presidentes da República Populista (1945 a 1964):

Após o colapso de Getúlio, o general Eurico Gaspar Dutra foi eleito presidente. A Assembleia Constituinte aprovou a quinta constituição do Brasil, que estabelece os poderes executivo, legislativo e judiciário.

Em 1950, Getúlio voltou à política e venceu as eleições presidenciais. Com atitude nacionalista Seu governo foi apoiado por empresários, soldados, grupos políticos no congresso. A União Nacional dos estudantes (UNE) e outros grupos da sociedade civil.

Enquanto isso, a oposição a Vargas crescia e se organizava contra o governo. Em 23 de agosto de 1954, 27 generais exigiram publicamente a renúncia de Vargas após alegações de que o governo estaria planejando assassinar o jornalista Carlos Lacerda. Na manhã de 24 de agosto, o presidente cometeu suicídio.

Todos os presidentes do Brasil neste período foram:

  • José Linhares (29.10.1945 a 31.01.1946);
  • Eurico Gaspar Dutra (31.01.1946 a 31.01.1951);
  • Getúlio Vargas (31.01.1951 a 24.08.1954).
  • Café Filho (24.08.1954 a 11.11.1955);
  • Carlos Luz (08.11.1955 a 11.11.1955);
  • Nereu Ramos (11.11.1955 a 31.01.1956);
  • Juscelino Kubitschek (31.01.1956 a 31.01.1961);
  • Jânio da Silva Quadros (31.01.1961 a 25.08.1961);
  • Ranieri Mazzilli (25.08.1961 a 08.09.1961);
  • João Goulart (08.09.1961 a 1º.04.1964).

Todos os presidentes do Brasil da Ditadura Militar (1964 a 1985):

Em 1964, o marechal Castello Branco foi eleito o primeiro presidente do regime. Em 1967, o marechal Costa e Silva assumiu a presidência e promulgou um dos atos mais memoráveis: o ato institucional número 5 (AI-5), que bloqueou o sistema político e aumentou a repressão à ditadura.

No final de 1969, Costa e Silva adoeceu e foi substituído por uma ditadura militar. Em seguida, tomou posse o presidente Emilio Garrastazu Médici. Isso aumentou a repressão e impôs políticas rígidas de censura em todos os meios de comunicação e expressão.

O sucessor de Médici, general Ernesto Geisel, iniciou vagarosamente o processo de transição para a democracia. Em 1978 encerrou o AI-5 e designou o general João Batista Figueiredo como seu sucessor. Figueiredo então aprova a lei de anistia e restaura o multipartidarismo.

Todos os presidentes do Brasil neste período foram:

  • Castello Branco (15.04.1964 a 15.03.1967);
  • Costa e Silva (15.03.1967 a 31.08.1969);
  • Governo Provisório – Junta Militar (Augusto Hamann Rademaker Grünewald; Aurélio Lyra Tavares; Márcio de Souza Mello – 31.08.1969 a 30.10.1969
  • Emílio Médici (30.10.1969 a 15.03.1974);
  • Ernesto Geisel (15.03.1974 a 15.03.1979);
  • João Figueiredo (15.03.1979 a 15.03.1985).

Todos os presidentes do Brasil na Nova República (1985 – atualmente):

Para fechar a lista de todos os presidentes do Brasil, temos a nova república, que consistia no governo pós-militar. Caracteriza-se pela democracia política e estabilidade econômica. Em 1984, o movimento Diretas Já mobilizou milhões de brasileiros para exigir eleições presidenciais diretas. No entanto, a câmara dos Deputados não aprovou, e o colégio eleitoral elegeu o oposicionista Tancredo Neves, que era contra Paulo Maluf.

Tancredo não assumiu o cargo, pois morreu de infecção hospitalar. Assim, assumiu o deputado José Sarney. Sob seu governo, foi proclamada a constituição de 1988, e o documento reconstruiu o estado democrático e a república presidencialista.

Em 1989, Fernando Collor de Mello venceu primeiras eleições presidenciais diretas realizadas desde 1960. Depois de dois anos no cargo a Assembleia Nacional promulgou a CPI, o que levou a um pedido de renúncia do presidente. Collor acabou renunciando para evitar processos.

Após sua renúncia, o vice-presidente Itamar Franco assumiu o poder. Durante seu governo, o Plano Real foi realizado. O projeto foi executado pela equipe do então Ministro da fazenda Fernando Henrique Cardoso, eleito presidente em 1994 e reeleito em 1998.

Em 2002, Luiz Inácio Lula da Silva foi eleito presidente da república e reeleito em 2006.

Em 2010, Dilma Rousseff foi eleita sucessora de Lula e reeleita em 2014. No entanto, em 2016, a primeira presidente eleita foi destituída do cargo e substituída por seu vice Michel Temer. Para fechar a lista de todos os presidentes do Brasil, em 2018, Jair Bolsonaro foi eleito.

Todos os presidentes do Brasil neste período foram:

  • José Sarney (15.03.1985 a 15.03.1990);
  • Fernando Collor (15.03.1990 a 02.10.1992);
  • Itamar Franco (29.12.1992 a 01.01.1995);
  • Fernando Henrique Cardoso (01.01.1995 a 01.01.2003);
  • Luiz Inácio Lula da Silva (01.01.2003 a 01.01.2011);
  • Dilma Rousseff (01.01.2011 a 31.08.2016);
  • Michel Temer (31.08.2016 a 31.12.2018);
  • Jair Messias Bolsonaro (01.01.2019 até hoje).

Viu quais foram todos os presidentes do Brasil?

Fonte: https://blog.unicep.edu.br/vestibular-conheca-todos-os-ex-presidentes-do-brasil/