TIM tem queda de 49% no lucro do 3º trimestree Apple iPhones

A operadora de telefonia celular TIM teve lucro líquido de R$ 184 milhães no terceiro trimestre, queda de cerca de 49% sobre o mesmo período do ano passado, em resultado com aumento de custos e queda na receita. A companhia teve geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização de R$ 1,28 bilhão de julho a setembro, queda de 18% no comparativo anual. A margem recuou de 38 para 32,8%.

Sem efeitos como venda de torres de telefonia e despesas não recorrentes com pessoal, a TIM teve lucro de R$ 200 milhães, avanço de 14% sobre o terceiro trimestre de 2015. O balanço contou com impulso de queda no resultado financeiro negativo, que passou de R$ 163 milhães para R$ 76 milhães no terceiro trimestre. A operadora controlada pela Telecom Italia apurou queda de 5% na receita líquida, a R$ 3,9 bilhães, enquanto os custos de operação subiram 2,6% no período, a R$ 2,62 bilhães. O faturamento médio por usuário teve crescimento de 12,3%, a R$ 18,4, após a base de clientes pré-pagos, menos rentáveis, ter encolhido 16,6%, a 49 milhães, levando a base total de usuários para 63,25 milhães ao final de setembro, queda anual de quase 13%.