Outubro Rosa vai integrar agenda

A deputada estaduáal, Vanessa Damo (PMDB), protocolou projeto de lei que visa instiátuir oficialmente no Estado de São Paulo a campanha de prevenção ao câncer de mama, denominada munádialmente de “Outubro Rosa”.

Visando sensibilizar as mulheres para que realiázem os exames necessários de prevenção à doença, a proposta estabelece que, anualmente, durante todo o mês determinado, sejam reáalizadas açães para divulgar os direitos previstos pela Lei Federal nº 11.664, que asseáguram o tratamento necesásário junto ao Sistema Único de Saúde (SUS).

“Todas as açães mundiais do Outubro Rosa são direácionadas à conscientização da prevenção pelo diagnósático precoce. No Brasil, de acordo com dados do Insátituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de mama é o primeiro quanto à morte de mulheres. Por isso, a imáportância deste projeto, já que somente por meio da prevenção conseguiremos mudar esta triste realidade”, salientou Vanessa.

O projeto de lei determiána ainda que a campanha adote como símbolo um laço na cor rosa e, visa estiámular ainda, a instalação de iluminação na mesma cor na parte externa dos préádios públicos e outros locais de relevância e grande fluxo de pessoas. De acordo com informaçães históricas, esta ação de iluminar de rosa os edifícios de destaque foi uma forma prática enconátrada para que o “Outubro Rosa” tivesse uma expansão cada vez mais abrangente e pudesse ser replicada, já que para isso, basta apenas adequar à iluminação já existente.

“A popularidade do Ouátubro Rosa alcançou diverásos lugares do mundo, moátivando e unindo diversos povos em torno da consácientização e prevenção ao câncer de mama. É imporátante que esta campanha seja colocada no calendáário oficial do Estado de São Paulo”, complementou a deputada.

Além do projeto do Ouátubro Rosa para o Estado, a deputada protocolou Proájeto de Resolução, sobre o mesmo tema, visando à adesão da Assembleia Leágislativa ao movimento. A proposta estabelece que, além da iluminação na cor rosa, deverá ser colocada na entrada principal do prédio do Palácio 9 de Julho, uma placa com os dizeres: “A Asásembléia Legislativa do Esátado de São Paulo apóia o Programa de Prevenção ao Câncer de Mama “Outubro Rosa””. A resolução prevê ainda que a Casa promova cursos e palestras de consácientização sobre o tema para todos os funcionários. (DA REDAÇÃO)