Lindsay interpretará Taylor

O filme, que tem roteiro de Christopher Monger (Temáple Grandin), já havia sido anunciado pela Lifetime como um de seus projetos para 2011/2012, mas até agora nenhum nome estava associaádo a ele.

Em 2004, a revista Slate chegou até a fazer uma comáparação entre Lohan e Taylor, dizendo que “Ambas tiveram mães dominadoras, uma infância que pouco se pareceu com uma de verdade, fama desde muito cedo, problemas com abuso de substâncias, explosães emocionais em púáblico e enormes quantidades de drama ao estilo tablóide.

A diferença, no entanto, é que Elizabeth Taylor teve um verdadeiro reconhecimento de suas conquistas antes de se tornar a mais famosa estrela de cinema da América”.

Mas essa, no entanto, não é a única tentativa de contar a vida do casal no cinema. Em junho do ano passado a Paraámount anunciou que comáprou os direitos de Furious Love, de Sam Kashner e Nancy Schoenberger, e que Martin Scorsese estava interessado em dirigir uma adaptação.