Em meio a entrave, Pelé visita Beira-Rio com governador

Pelé e ministro do Esporte, Orlando Silva, encontram-se com Tarso Genro Foto: Caco Argemi/Palácio Piratini /Divulgação

Apontado pela presidente Dilma Rousseff como o embaixador honorário da Copa do Mundo de 2014, Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, visitou, nesta sexta-feira, o Estádio do Beira-Rio, que vive um entrave e sofre ameaças de ser excluído da Copa das Confederaçães de 2013.

Antes de comparecer ao estádio do Inter, Pelé se reuniu com o governador Tarso Genro (PT) no Palácio Piratini, sede do Governo do Rio Grande do Sul.

test

Ao lado do ministro do Esporte, Orlando Silva, Pelé chegou ao palácio em Porto Alegre por volta das 9h45 (de Brasília) desta sexta. Também participam da reunião o coordenador geral do Comitê Executivo da Copa do Mundo no RS, Carlos Eugênio Simon, e o secretário estadual do Esporte e do Lazer, Kalil Sehbe Neto.

Após conversar com Tarso Genro, Pelé e Silva seguiram para o Beira-Rio, onde foram recepcionados pelo ex-jogador e atual diretor técnico do Inter, Fernandão.

A cidade de Porto Alegre está ameaçada de ficar fora da Copa das Confederaçães devido à demora para se retomarem as obras no estádio do Internacional, interrompidas há quase três meses. Desde então, o clube não consegue se entender e ainda não assinou contrato com a construtora Andrade Gutierrez, que venceu a licitação para tocar a reforma.