Danilo Gentili: temos você aqui!

Atualmente um dos ícones do talk show, Danilo Gentili nasceu em Santo André, em 1979. É comediante, escritor, compositor, cartunista, repórter e apresentador. Formou-se em publicidade e propaganda, mas, como costuma dizer, como fez o curso na UniABC, não conta. Em sua trajetória profissional, Gentili já fez muitas coisas, desde carregar caixas em shopping, trabalhos em gráficas e órgão público de varrição na sua cidade natal até a ideia fixa de se tornar pastor. O primeiro passo para fazer humor foi dado há muito tempo, ainda criança. Sempre expressou sua visão humorística por meio de redaçães escolares, peças teatrais na igreja e histórias em quadrinhos jamais publicadas. No bar, fazendo stand-up, Gentili encontrou um local onde podia se expressar de uma forma mais enfática. Veio então a oportunidade na TV, onde despontou como repórter no CQC, abrindo portas para enfim ter seu próprio programa. Hoje, no SBT, com o The Noite, Danilo Gentili está na boca do povo. Sem papas na língua, coloca seus entrevistados em maus lençóis. Sempre despojado e bem humorado, atendeu prontamente ao pedido de entrevista exclusiva à equipe da Revista BellaVitória,que cedeu o conteúdo ao HojeJornal. Não deixe de ler. O material estárecheada de lembranças mas sempre com humor e pitadas provocativas.

Redação: Você ainda mantém algum tipo de contato com Santo André? Quais? Costuma visitar a cidade? Danilo Gentili: Sim. Meus amigos estão todos aí e sempre converso com eles. Meu pai e irmã estão aí também. Mas não dá para conversar com eles. Eles nunca me respondem.

Redação: Da sua história na cidade, tem saudade de algo? O que? Conte-nos alguma lembrança que marcou sua estada em Santo André? Danilo Gentili: Saudade da minha infância. Jogava jogo de tabuleiro na rua, jogava bolinha de gude e fazia do portão das vizinhas o gol. Tenho saudade também das tretas que arrumava com os velhos da rua. Eu adorava arrumar confusão para ver eles correndo atrás de mim com cinta. Só não gostava quando eles contavam para o meu pai e eu apanhava depois.

Redação: Hoje você se tornou um ícone no talkshow concorrendo e sendo comparado a Jó Soares que está em vias de perder parte da grade na Globo. Como avalia essa trajetória profissional e essa conquista? Danilo Gentili: Quando surgi com a ideia do programa as pessoas diziam que jamais daria certo. O próprio Jó Soares disse no Altas Horas que eu não poderia apresentar pois não tinha idade e nem conhecimento para apresentar um talk show. Mas até aí ele disse também que a Dilma estava fazendo um ótimo governo, então tá bom.

Redação: Pensa ou sente vontade em voltar a morar no ABC? Por quê? Danilo Gentili: Amaria morar em Santo Andre. Só não faço isso por causa do trânsito. Amo Santo Andre, mas meus compromissos profissionais estão em São Paulo.

Redaçãoa: O que de mais valioso deixou na cidade? Danilo Gentili: Minha infância.

Redação: Como avalia a repercussão de sua manifestação contra o atual prefeito de Santo André, Carlos Grana (PT)? Você acompanha a administração da cidade? Danilo Gentili: Quando vou pra Santo André, todos dizem: “Adorei que fez aquilo com ele! Sacanagem ele ter censurado seu desenho”. Acho q essa reação das pessoas dá uma ideia da administração dele.

Redação: Em que momento da sua carreira percebeu que iria decolar como apresentador e comediante? Danilo Gentili: Quando estava indo fazer show em Florianópolis e andei de avião pela primeira vez para chegar lá. Ali pensei: “Vou decolar como comediante agora”.

Redação: Você viveu em qual bairro da cidade e em que ano saiu de Santo André? Danilo Gentili: Parque das Naçães, divisa com Vila Curuçá.

Redação: Conhece a Padaria BellaVitória? Já esteve no local? Danilo Gentili: Adoro a pizza daí! Muito. E adoro porque é 24 horas. Somente duas coisas em Santo André te dão a opção de comer na madrugada: Padaria Vitória e Avenida Industrial. E a padaria Vitória é a minha preferida.

Redação: Muitos adolescentes se espelham em você. Deixe uma mensagem para este público. Danilo Gentili: Se espelhem em alguém melhor.