Corredor Verde da Av. Adriático é inaugurado

A Prefeitura de Santo André, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana, Obras e Serviços Públicos (SMUOSP), inaugurou oficialmente, na manhã deste sábado (24), o Corredor Verde da Avenida Adriático, um empreendimento que expressa o que há de mais moderno em conceito urbanístico.

O Corredor Verde da Avenida Adriático, que vai desde a Avenida Capitão Mário de Toledo, até a Avenida dos Carijós, é uma obra que atende às reivindicaçães da população manifestada durante as reuniães do Orçamento Participativo, em 2013, e que contou, inclusive, com a participação das crianças e do Conselho Mirim da Emeief Sylvia Orthof.

Rik Alisson Medeiros Dionísio, 11 anos, e Vitor Hernandes, 10 anos, ambos alunos do 5º ano e membros do Conselho Mirim da Emeief, agradeceram ao Prefeito pela nova Avenida Adriático e entregaram a ele e ao Secretário de Educação Gilmar Silvério, um convite para que visitassem a escola e atentassem para algumas reformas que necessita.

“Na verdade, depois que o Conselho do Orçamento Participativo da Região, incluindo as crianças, reivindicaram melhorias np canteiro central da avenida para acabar com os atropelamentos que aconteciam, nós percebemos que era possível revitalizar, restaurar e modificar todo o perfil da região construindo um “corredor verde” na avenida. É uma obra exemplar não só pela mobilidade urbana, mas pela contribuição ao meio ambiente, à educação no trânsito, à saúde da comunidade”, enfatizou Carlos Donizete Sanches, Secretário de Mobilidade Urbana, Obras e Serviços Públicos.

O Corredor Verde

Os 1,2 km de extensão do Corredor Verde foram totalmente restaurados. A prefeitura investiu, aproximadamente, 1,7 milhão de reais em uma série de açães que melhoraram a própria via e as ruas do entorno. Refez todo o paisagismo do corredor central, trocou a iluminação pública convencional por 100% LED, reurbanizou e implantou novo mobiliário nas praças, colocou equipamentos para ginástica e alongamentos, brinquedos e ciclofaixa, removeu árvores doentes e plantou mais de 300 nativas, refez o canteiro de plantas ornamentais, refez calçadas, guias e sarjetas e implantou nova sinalização semafórica. “Essa obra proporcionará à cidade e a seus munícipes espaços de convivência, que possam gerar respeito ao próximo, apropriação segura e saudável do espaço público, sensibilização para a proteção do meio ambiente, para a educação no trânsito e o cuidado que todos devem ter com o bem público”, enfatizou o Prefeito Carlos Grana, durante o ato solene de inauguração do corredor.

O Secretário de Cultura, Tiago Nogueira, anunciou que levará para o Corredor Verde o “Museu Itinerante” e o programa “Vai Livros”, entre outras iniciativas da Secretaria, para que a comunidade o torne, efetivamente, “num espaço de lazer e de convívio”, disse. O Secretário de Governo, Arlindo José de Souza, afirmou que uma obra como essa traz orgulho à cidade. “É praticamente uma área de lazer em frente da nossa casa”, disse.

William Zanim, 26 anos, e há 5 anos, ciclista compulsivo, e a dona de casa Ivone Fernandes, aprovaram o novo Corredor Verde da Cidade. “Eu fiquei maravilhado com a pista. Andava de bicicleta por aqui, antigamente, e acompanhei com expectativa a construção do corredor”, disse William. Opinião compartilhada por dona Ivone Fernandes, moradora da região. Ela, que foi atropelada em uma esquina pertinho do Mercado Dia. “Fiquei três meses andando de muletas. Agora, essa obra trouxe mais segurança pra gente. A noite, com a nova iluminação, eu venho passear”, disse.

Atividades culturais

Durante o ato solene de inauguração do Corredor Verde, a Prefeitura realizou uma série de atividades; apresentação de peças de teatro (do grupo Dandada e de alunos da Emeief Mariângela Fuzeto), oficinas e corte de cabelo com os alunos do EJA, música com o grupo de violeiros “Vivendo e Aprendendo”, da Vila Humaitá, e a apresentação da Orquestra de Cordas do CESA Vila Linda, acompanhada com orgulho por Noélia Pereira da Silva, mãe de Carlos Eduardo, 8 anos, um dos integrantes da Orquestra. “Ele desde os 3 anos de idade, já demonstrava gosto pela música”, disse.

Para encerrar o ato de inauguração do Corredor Verde, o Prefeito Carlos Grana fez um pedido: “não deixassem que ninguém depredar ou quebrar alguma coisa. Essa obra não é da prefeitura, mas da população”, disse.

FONTE PMSCS