Com grupo Fabullosos do Passinho e Mania de Samba, circuito tem atividades

Depois de passar por Ourinhos, Palmital, Botucatu, Mauá e Itaquaquecetuba, o roteiro 8 do Circuito Sesc de Artes chega a São Caetano neste domingo (10), a partir das 16 horas, no Espaço Verde Chico Mendes (Av. Fernando Simonsen, 566, no Bairro Cerâmica). Este ano, a programação de cinema, artes visuais e literatura será apresentada de forma pouco convencional com o Gabinete de Curiosidades e Habilidades. Espetáculo teatral, exibição de curtas-metragens, show com a banda Mania de Samba, acompanhada da cantora Ana Costa, e apresentação dos Fabullosos do Passinho ao som do DJ MAM, grupo de dança do Rio de Janeiro, farão parte da intensa programação coordenada pelo Sesc São Caetano, que conta com o apoio da Secretaria de Cultura da Prefeitura …− programação completa abaixo. Informaçães adicionais podem ser obtidas no Sesc São Caetano, pelo .

O destaque da programação do roteiro 8, de São Caetano, fica por conta dos meninos cariocas Fabullosos do Passinho. Formado em outubro de 2012, na Baixada Fluminense, o quarteto composto por CL Fabulloso, DG Fabulloso, Leony Fabulloso e GN Fabulloso é um dos mais conhecidos grupos na Batalha do Passinho, concurso de dança entre jovens das favelas e zona periférica do Rio de Janeiro.

Nesta apresentação, o DJ MAM embala os movimentos de embolada e cruzada com funk carioca, carimboÌ, tecnobrega, baião, maracatu, xote, samba de roda, entre outros. CRealizado pelo Sesc São Paulo, o Circuito Sesc de Artes …− Conectando lugares, circulando ideias, chega a sua edição de 2016 como o maior realizado até hoje e traz em sua programação apresentaçães de música, dança, teatro, circo, cinema, artes visuais, literatura e cultura digital. Este ano, o evento passará por 114 cidades do interior, litoral e Grande São Paulo e mais a capital, com uma programação itinerante formada por 12 roteiros diferentes, sendo que cada um deles percorre nove cidades do interior do Estado. Ao todo, são 67 atraçães e 807 apresentaçães e intervençães artísticas nos fins de semana (sextas, sábados e domingos), até 24 de abril, com a participação de 311 artistas, com mais de 600 horas de programação.

Programação: Gabinete de Curiosidades e Habilidades

ARTES VISUAIS Traquitanas Mecânicas Leonardo Gallep e Alexandre Motta (SP) A ideia desta oficina é conhecer e experimentar os princípios da arte cinética, que explora efeitos visuais causados por ilusães de ótica ou movimentos físicos, sejam mecânicos ou elétricos.

CINEMA Cine Magia Exibição de curtas-metragens dirigidos pelo cineasta francês Georges Méliès. LITERATURA Palavra + Imagem A Cor da Letra (SP) Acervo de livros ilustrados será oferecido por duplas de mediadores de leituras individuais e compartilhadas. Com Aline Oliveira e Janaina Martins.

Encontros Cafuzos Coletivo Cafuzas (SP) O coletivo promove intervençães narrativas e rodas de compartilhamento de experiências, com o intuito de contribuir para o conhecimento e a valorização dos mitos, saberes, práticas, entre outros elementos das culturas africanas e afro-brasileiras. Técnicas tradicionais, habilidades manuais, brincadeiras, narrativas e relatos de experiência fazem parte dos encontros. Com Daniela Landin, Roberta Stein e Rosana Borges.

DANÇA DJ MAM e os Fabullosos (RJ) Formado em outubro de 2012 na Baixada Fluminense, o quarteto composto por CL Fabulloso, DG Fabulloso, Leony Fabulloso e GN Fabulloso é um dos mais conhecidos grupos na Batalha do Passinho, concurso de dança entre jovens das favelas e zona periférica do Rio de Janeiro. Nesta apresentação DJ MAM embala os movimentos de embolada e cruzada com funk carioca, carimboÌ, tecnobrega, baião, maracatu, xote, samba de roda, entre outros. Duração: 60 min. Com DJ MAM. Dançarinos: CL Fabulloso, DG Fabulloso, Leony Fabulloso e GN Fabulloso.

TEATRO Movimento número 1: O Silêncio de Depois…¦ Coletivo Negro (SP) Quatro personagens refletem sobre suas memórias após uma violenta desocupação do espaço onde moravam para a construção de uma linha férrea. Histórias que povoam o imaginário do negro brasileiro e da sociedade vêm à tona e pretendem levantar questães acerca das consequências da diáspora África-Brasil. Para criar o espetáculo, o Coletivo Negro tomou como base fotografias de família, cartas, poemas, receitas de vó, simpatias, estudos sobre o teatro experimental do negro, viagens a comunidades quilombolas e leituras de autores africanos, como Luis Bernardo Honwana e Mia Couto. Duração: 60 min.

Direção, concepção e atuação: Coletivo Negro: Aysha Nascimento, Flávio Rodrigues, Jé Oliveira, Jefferson Matias, Raphael Garcia e Thais Dias.

MÚSICA Mania de Samba (SP) e Ana Costa (RJ) O grupo Mania de Samba é voltado para a música popular brasileira, mais precisamente o samba. A cada show, os maiores compositores do gênero são reverenciados, como Martinho da Vila, Nei Lopes, Moacyr Luz e Paulo César Pinheiro. Neste show, eles se apresentam ao lado da cantora carioca Ana Costa, apadrinhada por Martinho da Vila. Duração: 90 min. Com Ana Costa (voz), Gilson Carvalho (surdo), Cleber Rangel (bandolim), Fabiano Marchesini (violão), Carlos Henrique (pandeiro), Artur Gonçalves (bateria), Junior Barros (cavaco) e Simon Jonathan Pinheiro (rebolo).